terça-feira, 31 de julho de 2018

5 coisas que você não pode nem pensar em fazer em um relacionamento

Vamos lá, é meio sem noção chegar e falar que você não deve nunca fazer algo. Eu sei e sou super a favor de você ser você mesma com a pessoa que está a fim, sou a favor da pessoa gostar da gente por quem somos. MAS, se você faz alguma dessas cinco coisinhas, talvez você precise repensar o que está acontecendo. Talvez até considerar que pode estar se diminuindo de mais por causa de um possível namorado. Ficar com alguém é bom, é importante, mas não vamos esquecer, é só um complemento pra vida que temos em paralelo, ok? Então vamos ver essa lista!

1. IMPLORAR PARA ELE NÃO TE LARGAR

Coloquei essa em primeiríssimo porque se você faz isso, pode parar de ler e pensar AGORA o que está acontecendo. Será que é você quem precisa implorar para ele não te largar? Eu acho que só perdoo um deslize desses se você tiver feito a merda do século, estiver muito arrependida e ele numa posição de ter toda a razão em estar magoado. Fora isso, amor próprio amiga, sempre!


2. PERMITIR QUE ELE TE XINGUE

Tirando fantasias sexuais, que é sempre entre o casal, xingamento não é legal. Numa briga, discussão e até num pretexto de falsa brincadeira, tem que ter um limite entre o que é aceitável. Se ele te xingar, mesmo numa briga à flor da pele, é um sintoma de que ele não te respeita tanto assim ou é bem descontrolado. E em nenhum dos casos você merece seguir com um cara desses.

3. TORNÁ-LO O CENTRO DA SUA VIDA

Acho muito fofo casais dedicados, mas dedicação não é a mesma coisa que submissão. E digo isso no sentido de você perder sua identidade para paparicar seu peguete, ficante, namorado, marido ou seja o que for. Lembre-se: ele já tem uma mãe, não precisa de você sendo uma. E desconfio que nem mesmo a mãe dele trata o cara de forma a esquecer da própria vida. Tenha em mente que você é uma garota com uma vida, gostos, amizades e interesses além dele. Ter isso em vista torna qualquer relacionamento mais saudável e no caso de um término, muito mais fácil de seguir em frente.

4. AMEAÇAR SE MATAR OU SE MACHUCAR

Fato da vida, isso só vai fazer ele te achar louca. Depois, eu também te acharia. E creio que você também acharia se estivesse do outro lado. Às vezes uma briga dói tanto que a gente pensa que pode morrer só de chorar e tanto sofrer. É irracional, mas é o que sentimos. E acho normal. Mas transformar isso em uma ameaça e às vezes numa ação, é sair totalmente dos trilhos. Se isso já te aconteceu, amiga, eu te aconselho a procurar entender o que está acontecendo. Seja com amigas de confiança e bom senso, o eterno colo da mãe ou até com um profissional. E não é necessário vergonha por procurar um psicólogo, eles existem para isso e todo mundo deveria fazer umas sessões.

5. DEIXAR DE SER VOCÊ MESMA

Eu escrevi a pouco que acho que temos que ser autênticas. E isso é realmente algo importante. Quando a pessoa continua ao nosso lado sabendo quem e como somos é porque realmente o negócio é legal. Às vezes a gente tenta tanto se adaptar, se transformar naquilo que ele quer que esquecemos o que nós queremos. Então fica essa dica: não se coloque de lado. Você é especial do jeitinho que você é.
E por hoje é só. Nos vemos na próxima!
Empregos Rapidos

0 comentários:

Postar um comentário